Pesquise no Google

segunda-feira, 16 de junho de 2014

PROGRAMA SEBRAETEC: SAIBA MAIS

O programa SEBRAETEC - Serviços em Inovação e Tecnologia é um instrumento do sistema sebrae que permite às empresas demandantes acesso a conhecimentos tecnológicos existentes na infra-estrutura de ciência, tecnologia e inovação (ct&i), visando a melhoria de processos e produtos e/ou a introdução de inovações nas empresas ou no mercado.

PÚBLICO ALVO
São as micro e pequenas empresas dos setores de comércio, indústria, serviços e agro negócios cujo faturamento anual não ultrapasse o valor previsto na lei geral.

COMO FUNCIONA
Caso uma empresa possua uma necessidade ou problema tecnológico, deve procurar o atendimento do sebrae/pr, conversar com um dos nossos consultores que preencherá um formulário com a descrição dessa necessidade de serviços tecnológicos. de acordo com a necessidade, a solicitação será enquadrada e, por escolha da empresa, encaminhada à uma instituição tecnológica ou empresa especializada credenciada pelo sebrae-pr, para detalhamento do projeto e orçamento. a aprovação do projeto será feita pela empresa e pelo sebrae/pr. o sebrae/pr poderá subsidiar parte do valor desse projeto.

CONDIÇÕES
Os serviços tecnológicos poderão ser subsidiados pelo sebrae/pr em até 80% do seu valor. a contrapartida da empresa poderá ser feita de acordo com as condições disponíveis no manual operacional do programa – anexo i do edital (ver cadastramento). e para os clientes que possuam o cartão bndes, poderão utilizar essa forma de pagamento da contrapartida.


SERVIÇOS ATENDIDOS

DESIGN

Design de ambiente - elaboração de projeto visual, projeto arquitetônico, disposição e distribuição de móveis, planta baixa, objetos e acessórios e máquinas de forma a tornar a empresa mais atrativa esteticamente e funcionalmente. planejamento de espaços, postos e estações de trabalho, chão de fábrica, ponto de venda, vitrines, feiras e eventos, recepção, áreas de circulação, iluminação, sinalização, confecção de maquetes e execução de oficinas de trabalho.

Design de comunicação - elaboração de sinalização, tipografia, material promocional e de divulgação, de estamparia, identidade visual e corporativa, de embalagem. elaboração de web, interação, games, design da informação, editorial, de superfície (criação de imagens bidimensionais).

Design de produto - têxtil/confecção, calçados. - objetos e acessórios: objetos de uso pessoal, joias,utensílios domésticos e de decoração, jogos e brinquedos, material esportivo, mobiliário, produtos médico-hospitalares, acessórios de construção civil, transportes, mobiliário urbano, etc. - máquinas e equiipamentos: eletrodomésticos e eletroeletrônicos, iluminação, máquinas e ferramentas.

Design de serviço - elaboração de diagnósticos, planos de implantação, acompanhamento de projetos, planejamento e execução de oficinas de trabalho, elaboração e implementação do design estratégico.

PRODUTIVIDADE

Cadeia de suprimentos - diagnóstico geral do fluxo de atividades primárias e de apoio; avaliação de armazenagem, manuseio e estoque de materiais; metodologia para gestão de estoques; codificação de materiais (código de barras ou outro); avaliação da logística e estratégia competitiva; levantamento sobre as características de negociação com fornecedores, distribuidores, clientes e prestadores de serviços logísticos, bem como os fluxos de informações e seus requisitos; análise dos pontos de entrega e da logística de “última milha” para canais de distribuição; análise estratégica para exportação e importação (formas de realizar, tributação e incentivos fiscais, formação de preços, financiamento, despacho aduaneiro, aspectos cambiais).

Layout - disposição de equipamentos e pessoas, distribuição de espaço, ergonomia de equipamentos, circulação de ar, temperatura, luminosidade, logística;, avaliação e melhoria de layout.

Mapeamento e melhoria de processos - análise sobre a organização e métodos de trabalhos; análise do planejamento e controle dos sistemas produtivos; avaliação sobre a administração de materiais; dimensionamento da capacidade instalada de produção; avaliação dos processos de manutenção preventiva e corretiva de máquinas e equipamentos; análise e avaliação de produto; administração de produtos, insumos, suprimentos e compras; critérios de segurança em cada uma das etapas da produção; estudo sobre racionalização.

ponta grossa online sebrae sebretec noticias tecnologia empreendedorPROPRIEDADE INTELECTUAL

Desenho industrial - pesquisa prévia, preenchimento de formulários e andamento dos processos de registro.

Indicação geográfica - apoio a estruturação de novas indicações geográficas, elaboração de normas técnicas sobre sistema de ig, consultoria para implementação de código de práticas, planejamento e implementação da ig.

Marcas - administração de marcas (busca prévia, solicitação de registro e acompanhamento), prorrogação de solicitações, apoio e acompanhamento de pedidos.

Patentes - busca previa nacional e internacional, auxílio no preenchimento de formulários, elaboração do relatório descritivo, reivindicações, desenho, listagem de sequencia biológica, auxílio na solicitação do pct (tratado de cooperação em matéria de patentes) para pedidos internacionais, acompanhamento do processo de registro.

QUALIDADE

Avaliação de conformidade - grupo de ações implantadas em micro e pequenas empresas que seguem regras pré-estabelecidas de forma acompanhada e avaliada. visa a propiciar adequado grau de confiança de um produto, processo ou serviço, ou ainda um profissional, conforme requisitos pré-estabelecidos em normas ou regulamentos. serviços e abrangência de atuação: avaliação da conformidade compreende a acreditação, ensaios, rotulagem, declaração do fornecedor (avaliação de primeira parte), classificação (avaliação de segunda parte) e certificação (avaliação de terceira parte) de acordo com a iso/iec 17000; procedimentos para autorização, licença e aprovação que estão a cargo dos organismos regulamentadores: instituto nacional de metrologia, normalização e qualidade industrial – inmetro e pela anvisa, orientação, adequação e diferenciação quanto a segurança alimentar (pas).
- avaliação da conformidade de produtos ligados ao setor de agronegócio
- avaliação da conformidade de produtos ligados ao setor de construção civil
- avaliação da conformidade de produtos ligados ao setor de tecnologia da informação
- avaliação da conformidade de produtos ligados ao setor de turismo
- avaliação da conformidade de produtos ligados ao setor de vestuário
- avaliação da conformidade de produtos diversos
- avaliação da conformidade de sistemas de gestão da qualidade e do meio ambiente

Normalização - descritivo: grupo de ações implantadas na micro e pequena empresa para adequação quanto às normas de qualidade. serviços e abrangência de atuação: diagnóstico sobre a condição de atendimento a normas de qualidade, elaboração de plano para adequação a normas de qualidade, apoio na adequação dos sistemas de gestão da qualidade em micro e pequenas empresas com vistas à habilitação para a certificação iso 9000, acompanhamento dos processos de certificação.
- normalização ligada ao setor de agronegócio
- normalização ligada ao setor de construção civil
- normalização ligada ao setor de tecnologia da informação
- normalização ligada ao setor de turismo
- normalização ligada ao setor de vestuário
- normalização ligada a produtos diversos
- normalização ligada a sistemas de gestão da qualidade e do meio ambiente

Metrologia - estabelecer procedimentos, padronizar formas, dimensões, tipos, usos, fixar classificações ou terminologias e glossários, definir a maneira de medir ou determinar as características, como os métodos de ensaio a serem atendidos por um produto, processo ou serviço.

ponta grossa online sebrae sebretec noticias tecnologia empreendedor ideia
SUSTENTABILIDADE

Dimensão social - saúde e segurança do trabalho; política de avaliação de fornecedores; política de relação com clientes; mapeamento e elaboração de relações de parceria; plano de ação no entorno da empresa.

Energia/eficiência energética - condições gerais de fornecimento de energia elétrica e alternativas tarifárias; elaboração/adequação de projeto de arquitetura bioclimática (considera clima e aproveita recursos da natureza – sol, vento, vegetação e chuva); avaliação e planejamento de sistemas eficientes de iluminação; avaliação e planejamento de sistemas eficientes de condicionamento ambiental e refrigeração industrial; avaliação de máquinas e motores eficientes; avaliação e elaboração de sistemas eficientes de ar comprimido e aquecimento elétrico; preparação para adequação ao sistema nacional de etiquetagem (na fase de projeto e pós-construção) e adequação e orientação para participar do selo procel.

Gestão ambiental - indicadores de desempenho ambiental; diagnóstico empresarial de sustentabilidade; adequação de empresas a critérios de sustentabilidade nacionais e/ou internacionais; produção mais limpa; redução de desperdício; plano de controle ambiental (pca); sistema de gestão ambiental (sga); controle da poluição industrial e doméstica; auditoria e contabilidade ambiental; elaboração de plano, implantação de programas de gestão ambiental; plano de adequação à legislação ambiental; plano de adequação a norma iso 14.000.

Resíduos - sólidos plano para gestão integrada de resíduos sólidos empresariais (industriais, urbanos, rurais orgânicos e inorgânicos); tratamento de resíduos; avaliação da viabilidade econômica na cadeia de resíduos; mapeamento e plano de implantação de logística reversa; mapeamento da cadeia de resíduos; avaliação de resíduos vendáveis em um empreendimento; diagnóstico, classificação e análise dos resíduos sólidos produzidos; análise da destinação e reaproveitamento de materiais. redução da poluição e tratamento dos resíduos produzidos; auditoria e contabilidade ambiental; implantação de programas de gestão e educação ambiental.

Sustentabilidade rural - apoio na elaboração de plano de manejo florestal; elaboração e implementação de projetos sustentáveis de cadeias produtivas relacionadas à biodiversidade; extrativismo sustentável; produção e certificação orgânica.

TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

Automação - definição do nível de automação, levantamento de questões legais e fiscais, identificação de necessidade de infraestrutura; elaboração de plano de utilização de serviços de tic; definição da solução de tic mais adequada ao tipo de negócio e ao perfil do consumidor.

E-commerce - b2b-business to business; b2c–business to customer; c2c–customer to customer.

Meios eletrônicos de pagamentos - especificar plataformas eletrônicas de pagamento e recebimento; cartões de crédito e débito; mobile payment; tecnologia e inovação em serviços financeiros em plataformas digitais; normativos sobre o tema.

Redes sociais e serviços online - as redes sociais online podem operar em diferentes níveis: redes de relacionamentos (facebook, orkut, myspace, twitter); redes profissionais (linkedin); redes comunitárias (redes sociais em bairros ou cidades). os serviços online englobam ações com os serviços de busca, incluindo seo (search engine optimization) e links patrocinados; estruturar os três pontos fundamentais para o sucesso na utilização de redes sociais (atendimento, relacionamento e monitoramento); identificar necessidade de infraestrutura de tic, avaliação de domínios, hospedagens e níveis de segurança da informação.

INOVAÇÃO

Desenvolvimento de novo modelo de negócio - projetos para alteração das empresas, inovando quanto modelo organizacional; consultoria para transformação em franqueadora; elaboração de projeto de modelo de valor e operação; startups, empresas incubadas e aceleradas.

Desenvolvimento de novo processo/equipamento - mapeamento, redesenho e melhorias de fluxos de processos, técnicas e ferramentas para a implantação, alinhamento estratégico, governança e métodos de gestão de processos empresariais.

Desenvolvimento de novo produto/serviço - utilização de técnicas e ferramentas para criação de objetos, produtos e processos. desenvolvimento e aprimoramento de produtos, técnicas básicas de produção e precificação deste novo produto. diferencial agregado ao novo produto desenvolvido e desenvolvimento de processos técnicos e criativos relacionados à configuração, concepção, elaboração e especificação de um artefato.

Estudo de viabilidade técnica e econômica - estudos para subsidiar decisões sobre a adequação da alternativa tecnológica para desenvolvimento de inovação no modelo de negócio, da adoção de novos processos e em novos produtos.

Projeto de apoio à inovação no encadeamento produtivo, no setor produtivo ou no território produtivo
- no encadeamento produtivo
- no setor produtivo
- no território produtivo

Para mais informações acesse o site.