Pesquise no Google

terça-feira, 17 de junho de 2014

MICRO E PEQUENAS EMPRESAS PODEM CRESCER COM INVESTIMENTO NO FACEBOOK E NO GOOGLE

Para o especialista em marketing Gabriel Rossi, as empresas devem avaliar a melhor rede social para investir.

Com 83 milhões de usuários no Brasil, o Facebook registra 2 milhões de páginas ativas de micro, pequenas e médias empresas. São números expressivos, que têm levado a empresa de Mark Zuckerberg a adotar estratégias para ganhar dinheiro com este público. Mas as empresas de até médio porte devem avaliar antes de investir na rede social. É o que garante o especialista em marketing Gabriel Rossi. “Estas companhias podem crescer com investimento no Facebook e no Google, que hoje é ainda melhor opção. Mas é preciso estudar o que se deseja”, afirma.

Segundo Rossi, o Facebook gera diversas possibilidades para as empresas, como o E-commerce Social, uma loja dentro do Facebook que tem mostrado forte atuação dos usuários. “Mas os internautas no Facebook têm ainda, primordialmente, uma mentalidade de socialização em vez de uma transacional, como ocorre, por exemplo, em boa parte dos acessos ao Google. Se no Google se quer fazer negócio, no Facebook todos querem socializar com amigos e familiares”, diz.

micro pequenas empresas investimento facebook google ponta grossa online noticias
“O maior desafio para essas empresas no Facebook é conseguir ajudar o internauta a ganhar status perante outros internautas. Levando em consideração tudo isso, em boa parte dos casos, o Google ainda é um investimento mais seguro para boa parte das micro, pequenas e médias empresas brasileiras”, completa o estrategista.

Por estes motivos, é importante que as empresas tenham uma avaliação criteriosa antes de investir dinheiro nas redes sociais. “Publicidade em rede ou uma página de e-commerce gera um custo que a princípio pode parecer baixo, mas no fim das contas pode pesar, especialmente para empresas que ainda não cresceram. O melhor é avaliar o custo-benefício”, finaliza Rossi.